Raimundo Girão

Raimundo Girão

Nasceu na Fazenda Palestina, Município de Morada Nova, Ce, em 3 de Outubro de 1900.
Filho de Luís Carneiro de Souza Girão e Celina Cavalcante.
Mudou-se para Maranguape, Ce, em 1905, onde permaneceu até 1913, quando mudou-se para Fortaleza.
Estudou no Liceu do Ceará e no Colégio Colombo.
Em 1920 matriculou-se na Faculdade de Direito do Ceará bacharelando-se a 8 de dezembro de 1924 e doutorando-se em 1936.

Entre 14 de dezembro de 1932 e 5 de dezembro de 1934 exerceu o cargo de Prefeito nomeado de Fortaleza.
Em 21 de dezembro de 1935 é nomeado Ministro do Tribunal de Contas do Ceará.
A partir de 2 de março de 1946 assume a Livre Docência na Faculdade de Ciências Econômicas da Uneiversidade Federal do Ceará.

Outros cargos:
– 1941: entrou para o Instituto do Ceará.
– 9 de janeiro de 1960 Secretário Municipal de Urbanismo.
– 12 de agosto de 1966 Secretário de Educação do Estado.
– 3 de outubro de 1966 Secretário de Cultura do Ceará (1966 a 1971).
– Presidente da Academia Cearense de Letras.

Historiador veio a ser uma das figuras mais ilustres e respeitadas da intelectualidade cearense de todos os tempos.
Possui várias obras publicadas principalmente sobre História, Geografia, Economia e outros temas relacionados com o Ceará e Fortaleza.

Foi membro das seguintes instituições:

– Presidente de Honra do
– Presidente da Sociedade de Geografia e História do Ceará

A Avenida Historiador Raimundo Girão é uma homenagem da cidade a este cearense ilustre.

Faleceu em 24 de Julho de 1988, em Fortaleza, Ce.


Pesquisa e Texto: Madalena Figueiredo

Para saber mais sobre as datas veja
Para saber mais sobre os locais veja

Museus

Museu do Ceará

O Museu do Ceará está instalado no Palácio Senador Alencar, local onde funcionou a Antiga Assembléia Provincial
É um dos Edifícios Históricos de Fortaleza.
É um museu com grande acervo histórico e antropológico.
No acervo inclusive a tela “Fortaleza Liberta” de José Irineu de Souza, uma das mais importantes obras da pintura cearense do século XIX.

Rua São Paulo, 51 – Centro – Fone: (85) 3101-2606 / (85) 3101-2610
Cep: 60030-100 – Fortaleza

Funcionamento:
Terça a Sexta: 08:30 às 17:00
Sábados: 08:00 às 14:00 h
Domingos: 14:00 às 17:00 h
Entrada gratuita às terças-feiras


Mini Museu Firmesa
Um acervo com um significativo panorama da arte cearense.

Via Férrea, 259 – Mondubim
Fone: (85) 3298-1537
Cep: 60765-760
Fortaleza – Ce.

Funcionamento
Segunda a Sexta: 09:00 às 11:00 h e das 15:00 às 17:00 h


Museu Arthur Ramos (Anexo à Casa de José de Alencar)
Acervo de rendas, objetos ligados ao período dos escravos e a cultura negra.  Possui uma coleção de pinturas do artista Floriano Teixeira tendo por tema as personagens das obras do escritor José de Alencar.

Av. Washington Soares s/n – Messejana – Fone: (085) 3229-1898
Cep: 60840-000
Fortaleza – Ce.

Funcionamento:
Segunda a Sexta: 08:00 às 12:00 h e das 14:00 às 17:30 h


Museu do Parto

Um tributo ao Prof. Galba Araújo
Foi inaugurado em 18 de outubro de 2002, nas dependências da Maternidade Escola Assis Chateaubriand, hospital da Universidade Federal do Ceará.
Estudos históricos e antropológicos têm revelado que, há menos de três séculos, a maioria das mulheres de todas as raças e culturas, durante o trabalho de parto, adotava uma postura vertical, mantendo o tronco ereto nos períodos de dilatação, e expulsão do feto e da placenta.

Hall da Maternidade Assis Chateaubriant
Rua Coronel Nunes de Melo, s/n – Rodolfo Teófilo
Campus do Porangabuçu

Funcionamento:
Segunda a Quinta: das 16:00 às 18:00 h.


Museu da Cachaça

Localizado no Município de Maranguape, na Grande Fortaleza, este museu proporciona um passeio histórico sobre a história da Cachaça, a mais Brasileira das bebidas.
A Família Teles, estabelecida na região desde 1846, dirige o Grupo Ypioca que além de ser uma dos maiores fabricantes da cachaça do Brasil, atua também nas áreas de agropecuária, papel, papelão, embalagens plásticas e águas minerais.
O Grupo Ypioca gera 1900 empregos diretos e 10.000 empregos indiretos.
Todo o ciclo histórico da cana-de-açucar é contado através de fotos, documentos, máquinas, equipamentos e cenários com personagens móveis em tamanho natural (diorama).
Destaque para o maior tonel de madeira do mundo com capacidade para 370.000 litros.
No local, um autentico botequim (bar popular típico do Ceará) oferece diversos tipos de degustações da bebida.
O visitante também pode percorrer um trecho através de um dos canaviais da região.

Rodovia Ce-065 – Fortaleza Maranguape
Entrada no 4Km após o Posto da Polícia Rodoviária.

Funcionamento:
Terça a Domingo: das 08:00 às 17:00 h
Fones: (85) 3341-0407 – (85) 9111-8758


Museu da Imagem e do Som – MIS
Acervo para consultas através de fitas cassete, filmes, slides e CD-ROMs.
Biblioteca com acervo sobre cinema.

Av. Barão de Studart, 410 – Aldeota – Fone: (85) 3264-2462
Cep: 60120-000
Fortaleza

Funcionamento:
Segunda a Sexta: 09:00 às 12:00 h e das 14:00 às 18:00 h


Museu das Secas
Rua Pedro Pereira s/n – Centro – Fone: (85) 3281-6444
Cep: 60035-000
Fortaleza

Funcionamento:
Seg à Sex:13:30 às 17:00 h.


Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará
O melhor acervo de artistas cearenses.
Obras de Antônio Bandeira, Aldemir Martins, Raimundo Cela, Chico da Silva, Vicente Leite.
Possui obras de Picasso, além de importante coleção de gravuras.
No acervo do Museu, encontra-se a maior coleção do mundo de Xilogravuras de Capas de Literatura de Cordel.

Av. da Universidade, 2854 – Benfica – Fone: (85) 3281-3144
Cep: 60020-181
Fortaleza

Funcionamento:
Terça a Sexta: 08:00 às 12:00 h
Sábados: 13:00 às 17:00 h


Museu de Arte e Cultura Populares
(Anexo a Empresa Cearense de Turismo)

Um verdadeiro panorama da arte popular cearense pode ser visto no Museu de Arte e Cultura Populares, com destaque para as esculturas do Artista Popular Nino e para os bonecos de mamulengo de Pedro Boca Rica.

Rua Senador Pompeu, 350
Anexo ao Centro de Turismo – Centro
Cep: 60025-000
Fortaleza – Ce.

Funcionamento:
Segunda a Sexta: 08:00 às 17:30 h
Sábados: 08:00 às 14:00 h


Museu de Artes da Contemporânea do Ceará

Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
Exposições regulares com o melhor da arte contemporânea local, nacional e internacional.

Rua Dragão do Mar, 81- Praia de Iracema
Fone: (85) 3488-8600
Cep: 60060-390 Fortaleza – Ce.
dragao@dragaodomar.org.br

Funcionamento:
Diariamente a partir das 14 h


Museu de Fortaleza

Antigo Farol do Mucuripe
Tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional o antigo farol está localizado na Esplanada do Mucuripe próximo ao Cais do Porto.
O prédio foi restaurado nos anos 80.
Atualmente é um museu com peças referenciais sobre a Fortaleza antiga.
Aos sábados excursões saem em direção a Praia Mansa, que fica nas proximidades e que além de abrigar um Parque Eólico para geração de energia elétrica, proporciona uma das mais belas vista de Fortaleza. Confirme antes de ir.

Rua Vicente de Castro s/n – Esplanada do Mucuripe
Fone: (85) 3263-1115
Fortaleza


Museu de Paleontologia da Universidade do Crato

Acervo de peças de paleontologia, zoologia e geologia.

Rua Coronel Antonio Luiz, 1161 – Fone: (88) 3523-1677
Crato – Ce.


Museu do Automóvel

Um dos mais completos museus sobre veículos antigos.
Com cerca de 55 modelos de carros antigos, é mantido por uma associação de colecionadores, e é o único do seu tipo no Nordeste.

Rua Des. Manoel Sales de Andrade, 70 – Água Fria
Próximo ao Centro de Convenções – Fone: (85) 3273-3129
Cep: 60811-420 – Fortaleza

Funcionamento
Segunda a Sábado: 09:00 às 12:00 h e das 14:00 às 17:00 h
Domingos: 09:00 às 13:00 h


Museu do Crato

Acervo de peças históricas da região do Cariri. Significativa coleção de pintura de artistas nacionais e cearenses, com destaque para a coleção de obras da artista Sinhá D’Amora.

Rua Senador Pompeu, 502 – Centro – Fone: (88) 3523-2055 R-30
Cep: 63100-000
Crato – Ce.

Funcionamento:
Segunda a Sexta: 09:00 às 11:30 h e das 14:00 às 17:00 h


Museu do Instituto Jaguaribano

O Museu do Instituto Jaguaribano está localizado na cidade de Aracati a 130 Km de Fortaleza.
Um acervo de peças da história do Ceará, mobiliário de época e uma coleção de imagens sacras oriundas de igrejas e capelas da região jaguaribana.

Rua Cel. Alexanzito, sn – Centro
Cep: 62800-000
Aracatí – Ce.

Funcionamento:
Terça a Domingo: 08:00 às 12:00 h e das 14:00 às 18:00 h


Museu Professor Benito Tavares

Homenageia o fundador da Academia Cearense de Odontologia.

Rua Almirante Barroso, 970 – Fone: (85) 3219-3374
Cep: 60060-440
Fortaleza


Museu Sacro D. José Tupinambá da Frota

No Município de Sobral, reúne uma importante coleção de vidros, porcelanas e louças do século XIX e arte sacra dos séculos XVIII e XIX.

Av. Dom José Tupinambá, 787
Fone: (88) 3611-3525
Cep: 62040-710
Sobral – Ce.

Funcionamento:
Segunda a Sexta: 09:00 às 11:30 h e das 15:00 às 17:30 h


Museu Sacro São José do Ribamar

No Município de Aquiraz, na região metropolitana de Fortaleza. Acervo de obras sacras.
Obras do Mestre Bibi destacando-se uma via sacra, a imagem de Santana, em madeira policromada, e a via sacra realizada.

Praça Cônego Araripe, 12
Cep: 61700-000
Aquiraz – Ce.


Museu de Cariré

Localizado no Município de Cariré na zona norte do Estado.
Acervo com mais de 10.000 peças – fotos, ferramentas, máquinas e um fóssil com mais de 100 milhões de anos, encontrado na região.


Memorial da Propaganda

Funciona no Mercado Central de Fortaleza. Instalado no sub-solo.

Avenida Alberto Nepomuceno, 199 – Centro
Fortaleza – Ce.

Funcionamento
Segunda à Sexta das 08:00 h às 18:00 h.
Sábados e Domingos das 08:00 h às 17:00 h

Nogueira Acioli

Antônio Pinto Nogueira Acioli

Nasceu em , Ce, a 11 de outubro de 1840.
Filho do Coronel José Pinto Nogueira e Dona Ana Pinto Nogueira.

Entre 1857 e 1864 fez bacharelado em Ciências Jurídicas na Academia de Pernambuco.
Ocupou vários cargos como Magistrado além de cadeira na Câmara dos Deputados – 1880, durante o Império, e de Senador em 1889.

Em 12 de Junho de 1896 assumiu seu 1° mandato de Presidente da Província do Ceará, inaugurando o período oligarco característico da política nacional da época, em que uma facção apoiada pelo Presidente da República, usando de artifícios ilícitos se perpetuaria no poder.

Sua eleição para Presidente da Província pelo Partido Republicano do Ceará, foi a 1° eleição direta.
Nogueira Acioli fica no poder até 1912 quando foi deposto pelo povo num conflito armado que durou 3 dias, iniciado com a passeata das crianças que foram mortas pela cavalaria e tiros da Polícia no dia 21 de Janeiro de 1912 e terminando a 24 com a retirada de Acioli para o Rio de Janeiro, no navio “Pará”.

Ao fazer escala no Porto de Natal, veio a bordo Antônio Clementino, o qual havia sido surrado pela polícia, a mando de Aciolí, no dia de sua posse em 1908.
Na época Clementino era Gerente do Jornal do Ceará que fazia oposição a Aciolí.
Clementino tentou assassinar Acioli, mas, no entanto, acabou atingindo mortalmente Antônio Pinto, filho de Aciloi, que o acompanhava.
Clementino foi morto pelo ajudante de ordem de Acioli, o major Weyne
Acioli Filho veio a falecer em águas da Bahia, tendo sido sepultado em Salvador.

Nogueira Acioli é nome de rua em Fortaleza, Ce.

Faleceu no Rio de Janeiro a 14 de outubro de 1921.


Mais detalhes podem ser encontrados no livro Caminhando Por Fortaleza de autoria do escritor cearense Francisco Benedito de Sousa.
O Livro pode ser adquirido na Livraria do Centro Cultural Dragão do Mar, nas Bancas de Revistas na Praça do Ferreira ou diretamente do autor através do telefone: (85) 3493-2518.

Para saber mais sobre as datas veja
Para saber mais sobre os locais veja
Para saber mais sobre pessoas veja

SETUR – Órgão Oficial de Turismo do Governo do Estado
setur-ce@turismo.setur-ce.gov.br

< A>Fone: (85) 3488-3900 – Fax: (85) 3488-3853
Centro Administrativo Virgílio Távora Edifício SEPLAN – Térreo
Cep 60839-900 Fortaleza – Ceará – Brasil

Disque Turismo: 0800 99 15 16

FUNCET – Órgão Oficial de Turismo de Fortaleza
smdt@ivia.com.br

Fone: (85) 3231-1814 Fax: (85) 3252-4595
Rua Pereira Filgueiras 04 – Cep 60160-150 Fortaleza – Ceará – Brasil

Sociedade Cearense de Geografia e História

Sociedade Cearense de Geografia e História

Rua do Rosário, 1 – Centro
Fone: (85) 3231-5699 | Fax: 3253-4275
Horários: Segunda à Sexta Feira das 08:00 às 12:00 horas

Fundada em 25 de agosto de 1935, tendo como principal objetivo o desejo de participação no cultivo das duas ciências principalmente da geografia, manifestado por escritores jovens, cientes de que o nome do Instituto do Ceará era de difícil acesso para os iniciantes nesses estudos.

O
nome Geografia viria em ordem primeira, pois obedecendo a ordem do pensamento lógico, a terra antecedeu o homem.
Teve como fundadores: José Waldo Ribeiro Ramos, que foi o grande incentivador da associação, em cuja casa foi realizada a sessão de fundação, Florival Seraine, Hugo Catunda Fontenele, Augusto Jaime de Alencar Benevides, Hugo Victor Guimarães e Silva, Afonso Banhos Leite, Joaquim Alves de Oliveira, Francisco Fernando Ribeiro da Silva, Henriqueta Galeno e Antônio Girão Barroso.

S
eu atual presidente é o Professor Elmo Vasconcelos.
Publica a Revista da Sociedade Cearense de Geografia e História.
Funciona na Sede da Academia Cearense de Letras, e realiza reuniões mensais.

Academia Cearense de Odontologia

Academia Cearense de Odontologia

Rua Almirante Barroso, 970
Praia de Iracema CEP: 60060-440
Fone: (85) 3219.3374/ 3219-7751
Fax: (85) 3219-1897

Fundada em 23 de setembro de 1984, tendo sido presidente desde sua fundação o Dr. Francisco Wilson de Vasconcelos Dias.
Publica a Revista da Academia Cearense de Odontologia que inclui artigos científicos, noticiosos e literários.
Possui Biblioteca e o Museu Prof. Benito Tavares, homenagem ao seu idealizador e fundador.